Vinícola Aurora

Bem-vindo ao site da Vinícola Aurora. Para continuar informe onde você está e se possui idade legal para beber.

Apoiamos o consumo responsável de bebidas alcoólicas, para visitar nosso site você deve ter idade legal para consumo das mesmas.

Sim, eu tenho
Se beber, não dirija. Se dirigir, não beba.

Vinícola Aurora

Início do conteúdo

Parceria entre estado e Aurora deverá melhorar acesso ao Vale dos Vinhedos

Empresa aderiu ao Programa de Incentivo ao Acesso Asfáltico (PIAA/RS) do governo do estado, possibilitando que parte dos valores pagos de ICMS seja revertida à construção de uma rótula na ERS-444, no acesso à nova unidade da Aurora.

Seis empresas interessadas em executar obras em rodovias estaduais manifestaram interesse na adesão ao Programa de Incentivo ao Acesso Asfáltico (PIAA/RS), do governo do Estado. A parceria, coordenada pela secretaria de Logística e Transportes, possibilita a realização de obras de pavimentação de estradas estaduais mediante o abatimento do valor no ICMS devido. Entre as empresas, está a Cooperativa Vinícola Aurora, de Bento Gonçalves. O intuito é construir uma rotatória na ERS-444, na entrada da unidade da vinícola no Vale dos Vinhedos, a qual foi recentemente inaugurada. “O objetivo é viabilizar que uma parte dos valores que são pagos de ICMS sejam revertidos para uma obra que trará benefício não só para a empresa, mas principalmente para toda a comunidade. É uma forma de agilizar que os recursos públicos sejam alocados numa obra que trará segurança e que ajudará no fluxo de veículos na ERS 444, na entrada do Vale dos Vinhedos em Bento Gonçalves/RS”, informa o diretor superintendente da Vinícola Aurora, Hermínio Ficagna. 

Instituído pela Lei Complementar nº 15.405, o PIAA/RS foi sancionado em dezembro de 2019 pelo governador Eduardo Leite. Entre os documentos exigidos aos interessados na parceria, estão os projetos básico e executivo da obra - com os estudos técnicos e de impacto ambiental -, o orçamento detalhado dos serviços e documentos cadastrais da empresa. O valor de cada proposta deve ser de, no máximo, R$ 5 milhões.

No caso do projeto enviado pela Aurora, o investimento será de R$ 1,7 milhão, facilitando “o acesso dos caminhões e veículos à unidade e os que utilizam a rodovia.  A obra trará mais segurança para os motoristas que trafegam diariamente pelo local, para os turistas e para toda a comunidade”, afirma Ficagna. 

Agora, os projetos enviados estão sendo analisados por uma comissão formada por representantes da secretaria de Logística e Transporte, Daer e Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR). Após essa avaliação, caso o projeto proposto pela Aurora seja aprovado, haverá assinatura do termo entre o Estado, através da secretaria de Transporte e Logística e a Cooperativa Vinícola Aurora. “Em caso de aprovação e assinatura do termo, a expectativa é que a obra inicie, salvo eventual evento fortuito, após encerramento da colheita da safra de 2021”, revela o diretor. 

 

Fonte: Jornal Serranossa

;

Continue navegando pelo Blog

Final do conteúdo